Setter Irlandês – Beleza e simpatia em forma de cão!

O Setter Irlandês, como seu nome diz, foi criado na Irlanda, ainda no século XVIII e tinha como função levar a presa aos caçadores.

O Setter Irlandês foi idealizado para ser um cão doce, gentil, delicado e capaz de pegar a caça sem danificá-la.

Hoje ele é uma ótima opção de pet de estimação. O Setter Irlandês é um cão de grande porte, mas se adapta bem a apartamentos, desde que faça seus exercícios diários.




É cão brincalhão, apegado a seus donos, são super afetuosos e simpáticos, se dando muito bem com crianças e idosos.

Dentre os cães do tipo setter, o Setter Irlandês é o mais popular de todos por sua beleza, inteligência e temperamento doce.

Dificilmente você verá um Setter Irlandês agressivo…




Continue aqui na Página do Pet e saiba tudo sobre o Setter Irlandês. Quer conhecer outros cães com um passado de caçadores?

Se apaixone pelo Beagle, Labrador Retriever e pelo Pointer Inglês.

Leia agora!

Setter Irlandês – Um grande amigo!

Este é o Setter Irlandês
Este é o Setter Irlandês

Origem da Raça Setter Irlandês

As origens exatas do Setter Irlandês, como a de muitos outros cães, não são documentadas.




Porém, a teoria que mais aceita é a de que eles são uma mistura de spaniels, pointers e outros setters.

Os caçadores na Irlanda precisavam de cães que fossem rápidos, com um potente focinho e de grande porte, para serem vistos à distância.

O Setter Irlandês vermelho e branco foi o primeiro produzido através de cruzamentos e posteriormente de de cor sólida.

Por volta do ano de 1800, Setter Irlandês veio para a América e foi tão eficiente na caça quanto as raças americanas.




Já na Irlanda, por volta de 1862 nasceu um cão que mudou o destino do Setter Irlandês. Ele se chamava Campeão Palmerston.

El tinha uma cabeça longa diferente de todas as outras e corpo esbelto, sendo considerado muito refinado para a caça, seu dono achava que não servia para o trabalho e sugeriu que ele fosse afogado.

Mas alguém o amou e o adotou. Ele se tornou uma sensação nas exposições de cães e ainda teve uma série de filhotes!

Então hoje, todo Setter Irlandês  descende diretamente do Campeão Palmerston.

Com o tempo o foco da raça mudou da caça para a exposição, mas alguns criadores fizeram questão de manter as duas habilidades neles.

Como animal de estimação e companhia, somente mais tarde.

Características da Raça Setter Irlandês

O Setter Irlandês  é chamado de red setter em alguns países, devido a sua coloração.

A pelagem avermelhada é diferente de todas mas a marca que lembra uma saia é o que lhe destaca!

O padrão de cor é único, não sendo comuns manchas em sua pelagem, embora alguns exemplares possam ter manchas branquinhas na região do peito.

Aparência do Setter Irlandês

Um numerosa família de Setter Irlandês
Um numerosa família de Setter Irlandês




Setter Irlandês: é felicidade que chama?
Setter Irlandês: é felicidade que chama?
Momento fofura nunca falta aqui na Página do Pet! Lindos filhotes de Setter Irlandês
Momento fofura nunca falta aqui na Página do Pet! Lindos filhotes de Setter Irlandês

A pelagem ruiva é a principal marca do Setter Irlandês
A pelagem ruiva é a principal marca do Setter Irlandês




Este é o outro padrão de pelagem do Setter Irlandês
Este é o outro padrão de pelagem do Setter Irlandês

Comportamento do Setter Irlandês

O Setter Irlandês  foi pensado para ser um ótimo e animado caçador, sempre bem humorado e cheio de vida.




Ele guarda ainda estas características de seus antepassados e adora sair para passear, sendo um ótimo companheiro, desde que gaste sua energia.

Caso os exercícios diários não seja o suficiente para o Setter Irlandês, ele pode se tornar um cão frustrado e entediado.

O Setter Irlandês é uma raça de cães amável, ansioso para agradar os seus e adora fazer parte de todas as atividades da família.

Ele é amável com todos, especialmente com as crianças, sempre prontos para brincar.




Devido a seu passado como caçador, sua brincadeira predileta é buscar objetos.

Seu temperamento dócil faz com que eles sejam doces, mesmo quando tentam sua paciência. Dificilmente você verá um Setter Irlandês agressivo.

Alimentação

A quantidade de ração para todo animal de estimação depende de sua raça, porte, idade e nível de energia gasto.

O Setter Irlandês precisa de alimentação de qualidade, que atenda suas necessidades nutricionais para manter sua vitalidade.




Escolha uma ração adequada para seu tamanho. A quantidade da ração pode ser discutida com um médico veterinário ou segundo as orientações do fabricante.

Nunca deixe comida à disposição na vasilha do seu Setter Irlandês, ele vai acabar comendo mais do que precisa.

A água deve sempre der trocada, mantendo-se fresca e limpa.

Saúde

O Setter Irlandês é um cão saudável, embora possa sofrer de algumas patologias da raça.

As principais preocupações com o Setter Irlandês são a atrofia progressiva na retina, a displasia Coxofemoral e a torção gástrica.

Outras patologias podem ser a epilepsia, megaesôfago, Osteocondrite dissecante, panosteitis, Osteodistrofia hipertrófica.




Suas orelhas caídas podem lhe causar quadros de otites, então, esteja sempre atento.

Siga sempre corretamente o calendário de vacinação de seu pet e se possível, o leve ao médico veterinário a cada 6 meses.

Assim você terá um animal de estimação sempre saudável e poderá poderá prevenir possíveis problemas de saúde precocemente.

Como Cuidar do Setter Irlandês

s

video

Preço do Setter Irlandês

O valor de um filhote de Setter Irlandês ou de qualquer outro cão de raça depende da qualidade dos pais, avós e bisavós da ninhada, se são campeões nacionais, internacionais etc.

A raça não é muito popular no Brasil, mas é possível encontrar filhotes deste adorável peludo custando por volta de R$ 2.000.

A Página do Pet sempre recomenda a adoção responsável e a aquisição de filhotes de criadores certificados.

Infelizmente existem criadores que submetem fêmeas a situações degradantes apenas visando o lucro com a venda de filhotes.




Antes de decidir comprar um cachorro é importante ainda lembrar que existem muitos animais abandonados nas ruas ou resgatados por ONGs, esperando uma família amorosa.

Adotar é um ato de amor.