Gato Oriental Shorthair – Um híbrido lindo e companheiro!

O Gato Oriental Shorthair é um bichano de olhos verdes com charmosas patinhas com dedos longos.

Um pouco maior do que os outros, o Gato Oriental Shorthair também tem o corpo mais alongado.

A pelagem dos Gatos Orientais Shorthairs são curtas, brilhantes e bem rentes ao corpo. Eles podem ter uma infinidade de cores e combinações.




Ele é conhecido por muitos por ser uma espécie de primo do gato siamês!

Se você vive sozinho e gostaria de um pet de companhia o Gato Oriental Shorthair é ideal para sua vida.

O Gato Oriental Shorthair é um bichano apaixonado por seu tutor e família e faz questão de seguir as pessoas em casa.




Ele vai adorar tardes de preguiça ou brincadeiras, sendo um excelente atleta e escalador.

São gatos fieis, amorosos, que se dão bem com qualquer tipo de família e curtem a companhia de outros pets.

Claro se você tiver um ritmo de vida muito agitado, que faça seu Gato Oriental Shorthair ficar longos períodos sozinhos, poderão ocorrer problemas.




Se ele ficar entediado ou se sentir abandonado vai entrar em armários, derrubar coisas, subir nas cortinas… Caos!

Continue aqui na Página do Pet, saiba tudo sobre o Gato Oriental Shorthair e veja lindas fotos!

Leia agora!

Gato Oriental Shorthair – Uma doce mistura!

Este é o Gato Oriental Shorthair
Este é o Gato Oriental Shorthair

Origem da raça Gato Oriental Shorthair

O Gato Oriental Shorthair, como muitas raças também de origem “oriental”, tem o siamês como uma das fontes de cruzamento.




Assim, o Gato Oriental Shorthair é um híbrido desenvolvido por criadores ainda nas décadas de 1950 e 1960.

A ideia era dar origem a um gato com a personalidade e comportamento do Siamês, mas com uma grande variedade de cores.

Na Inglaterra os gatos siameses foram cruzados com outros shorthairs domésticos e Azuis Russos.




Já na América, eles eram fruto do cruzamento entre siameses com raças domésticas e Abissínios.

Lá no oriente, no entanto, os criadores ficaram incomodados com a hipótese de criar mais um híbrido de Siamês.

Apesar da contrariedade, em 1972 o Gato Oriental Shorthair foi reconhecido como raça.

Principais Características do Gato Oriental Shorthair

O Gato Oriental Shorthair tem semelhança com outros do grupo dos siameses: são delgados e estilizados, mas com uma ampla gama de cores.

Eles possuem quadris estreitos e corpo alto, perfeitos saltadores, corredores e atletas. Veja outras características do Gato Oriental Shorthair:

  • Cabeça e pescoço longos
  • Queixo alinhadinho com o nariz
  • Focinho fino
  • Orelhas bem grandes e largas
  • Olhinhos amendoados e geralmente verdes
  • Pernas finas e longas com as traseiras mais altas
  • Patinhas ovais
  • Mais de 280 cores de pelagem, das sólidas até os diferentes padrões

Aparência do Gato Oriental Shorthair

O laranja é uma das muitas e muitas cores do Gato Oriental Shorthair
O laranja é uma das muitas e muitas cores do Gato Oriental Shorthair
Quem tá morrendo de sono? Este fofo Gato Oriental Shorthair
Quem tá morrendo de sono? Este fofo Gato Oriental Shorthair

Comportamento do Gato Oriental Shorthair

O Gato Oriental Shorthair apresenta não só a aparência do siamês mas também o comportamento.

São muito vivos, extrovertidos e sociáveis, amam a companhia da família.

Por outro lado, o Gato Oriental Shorthair é possessivo, exigente e até um tanto autoritário… Mas quem resiste a um bichano lindo pedindo colo?

Muitos criadores de siamês os acham um pouco bravinhos, mas o Oriental Shorthair é mais dócil e calmo.




Eles se dão bem com outros pets e pessoas de forma geral, se mantém brincalhão e ativo até a velhice.

Alimentação

A quantidade de ração para todo animal de estimação depende de sua raça, porte, idade e nível de energia gasto.

Os gatinhos precisam de alimentação de qualidade, que atendam suas necessidades nutricionais.

Escolha uma ração adequada para seu tamanho e nível de energia. A quantidade da ração pode ser discutida com um médico veterinário ou segundo as orientações do fabricante.

Definida a quantidade, deixe o comedouro acessível a seu gatinho, assim como o bebedouro, sempre em local fresco.




O ideal é que a água seja corrente, se não for possível, a troque constantemente para evitar possíveis problemas renais.

Até os doze meses, os gatinhos são considerados filhotinhos. Nesta fase, ofereça cerca de 40 gramas de ração de boa qualidade para filhotes diariamente.

A partir de um ano eles já são adultos e devem comer ração adequada à sua idade, oferecendo entre 40 e 60 gramas ao dia.

Saúde

O Gato Oriental Shorthair pode ter o mesmo tipo de problema genético que o siamês. As doenças que podem atingir estes gatinhos são: amiloidose, asma e doenças brônquicas, estenose aórtica, estrabismo, linfoma e atrofia progressiva da retina.

Siga sempre corretamente o calendário de vacinação de seu pet, faça a desvermifugação, e, se possível, o leve ao médico veterinário a cada 6 meses.

Assim você terá um animal gatinho sempre saudável e poderá prevenir possíveis problemas de saúde precocemente.

Caso seu bichano apresente sinais como alergias de pele, vômitos persistentes, diarreias, comportamentos estranhos, converse com um médico veterinário.

Um animal de estimação saudável e bem tratado será muita mais feliz e retribuir este cuidado para toda a família em forma de carinho, afeto, amor e brincadeiras.

Como cuidar do Gato Oriental Shorthair

Preço do Gato Oriental Shorthair

Os gatos são a verdadeira paixão de muitos tutores em todo o mundo, apaixonados por sua personalidade independente e manhosa.

Estes felinos possuem uma alma encantadora, que sempre chamam à atenção das pessoas por onde passam até mesmo em casos de gatos de rua.

O valor de um filhote de Gato Oriental Shorthair ou de qualquer outro gatinho de raça depende muito de seus antepassados, se eles têm ou não pedigree, da qualidade dos pais, avós e bisavós da ninhada, etc.




É possível encontrar filhotes do Gato Oriental Shorthair custando aproximadamente R$ 2.500 a R$ 3.000.

A Página do Pet sempre recomenda a adoção responsável e a aquisição de filhotes de criadores certificados.

Infelizmente existem criadores que submetem fêmeas a situações degradantes apenas visando o lucro com a venda de filhotes.

Antes de decidir comprar um cachorro é importante ainda lembrar que existem muitos animais abandonados nas ruas ou resgatados por ONGs, esperando uma família amorosa.