Borzoi – Conheça este nobre cão de origem russa!

O Borzoi é uma raça de cães nobre, dócil, descontraído, muito elegante e rara em nosso país.

Antigamente eles moravam com a nobreza e basta olhas para um Borzoi e perceber um porte diferenciado dos outros cães.

Este cão tem um grande espírito caçador, fruto de seus antepassados corredores e caçadores.




Este cão de grande porte, magro e longilíneo ostenta uma linda pelagem que mais parece um casaco de seda.

Em contrapartida, o Borzoi é um cão veloz, muito veloz! Se em casa ele é dócil e carinhoso, ao ar livre é um grande corredor.

Aliás, a raça tem como característica a personalidade diversa. Se sérios a brincalhões, de amigáveis a reservados com os estranhos…





O Borzoi além de lindo, é um excelente cão de companhia, daqueles que podem passar tardes de preguiça com você no sofá.

Continue aqui na Página do Pet e saiba mais sobre o Borzoi e veja fotos incríveis desde nobre cão.

Borzoi – Uma raridade no Brasil

Origem da Raça Borzoi

O Borzoi é uma raça de cães russa, criada pela aristocracia russa há centenas de anos.





Desde o século XIII havia a caça esportiva à lebre no país, e o Borzoi participava ativamente.

Nos séculos XV e XVI criadores realizaram o cruzamentos para aprimorar a pelagem, que deveria ser resistente ao frio.

Assim, cruzaram cães corredores com cães urso e com grandes pastores russos.





O primeiro padrão definido para o Borzoi foi em 1600 quando um livro foi lançado e as regras estabelecidas.

Estima-se que o Borzoi foi a raça de cães que mais tenha demandado esforços para ser criada.

Enormes propriedades tinham centenas de escravos participando da criação destes cães.

As caçadas na época eram eventos sociais grandiosos onde mais de cem cães da raça Borzoi participavam.





Em 1800 existiam 7 subtipos de Borzois na Rússia. Os de hoje em sua maioria descendem do tipo Perchino.

Este tipo de Borzoi foi criado pelo grão-duque Nicolai Nicolayevitch dos importados para a América eram destes canis.

Após a Revolução Russa, muitos Borzois acabaram sendo mortos, já que pertenciam à nobreza.

Foram os nobres estrangeiros que ganharam Borzois e alguns poucos canis que tinham sobrado que garantiram a sobrevivência da raça.





Na América ele ganhou a fama de cachorro nobre e glamoroso sendo quase sempre visto ao lado de estrelas do cinema.

Apesar da pouco popular como animal de estimação, o Borzoi  continua popular em exposições, competições e como modelo.

Características do Borzoi

O Borzoi é um cão de grande porte, esbelto e longilíneo. Sua cabeça é estreita e longa e vai se afinando até chegar ao nariz.

Os membros são compridos, firmes e retos.





Os olhos do Borzoi são grandes, amendoados e na cor de avelã ou castanho-escuro.

Suas orelhas são pequenas e macias, implantadas acima da linha dos olhos.

A pelagem do Borzoi é sedosa, macia, ondulada ou levemente cacheada.

Todas as combinações de cores são aceitas no Borzoi, seja unicolor, malhadas, manchadas ou tigradas.

Aparência do Borzoi

O Borzoi tem uma pelagem que resiste às mais baixas temperaturas





Borzoi: diversos padrões de pelagem, beleza única

Borzoi é uma raça que a dora se divertir
Um lindo Borzoi correndo!

Comportamento do Borzoi

O Borzoi é um cão de comportamento elegante, discreto e bem educado.





Se estiver ao ar livre, ele irá correr muito e caçar qualquer animal que estiver correndo.

A raça é independente, sensível, leal com sua família e capaz de demonstrar comportamentos bem diferentes quando está com a família ou quando está ao ar livre.

O Borzoi se dá muito bem com todos os membros da família, inclusive com as crianças.

Alguns podem ser bem tímidos e até desconfiados com os estranhos.

No mais o Borzoi é um cão sensível, seguro, tranquilo e as vezes impulsivos.

Alimentação

A quantidade de ração para todo animal de estimação depende de sua raça, porte, idade e nível de energia gasto.





O Borzoi precisa de alimentação de qualidade, que atenda suas necessidades nutricionais para manter sua vitalidade e a beleza de sua pelagem.

Escolha uma ração adequada para seu porte grande.

A quantidade da ração pode ser discutida com um médico veterinário ou segundo as orientações do fabricante.

Nunca deixe comida à disposição na vasilha do seu Borzoi, ele vai acabar comendo mais do que precisa e pode desenvolver a obesidade e sofrer com a torção de estômago, característica da raça.

A água deve sempre der trocada, mantendo-se fresca e limpa.

Saúde

A raça de cães Borzoi é saudável, mas propensa a algumas situações de saúde, como qualquer raça de cães.





A principal preocupação é uma doença óssea metabólica, além da torção estomacal.

A raça é ainda bem sensível a medicações, barbitúricos e até remédios e talcos antipulgas.

Siga sempre corretamente o calendário de vacinação de seu pet e se possível, o leve ao médico veterinário a cada 6 meses.

Assim você terá um animal de estimação sempre saudável e poderá prevenir possíveis problemas de saúde precocemente.

Mantendo uma rotina básica de cuidados e monitorando sua forma física você terá um pet feliz!

Como Cuidar do Borzoi

Preço do Borzoi

O valor de um filhote de Borzoi ou de qualquer outro cão de raça depende da qualidade dos pais, avós e bisavós da ninhada, se são campeões nacionais, internacionais etc.

A raça não é muito comum de ser encontrada no Brasil, mas possível ter um filhote do nobre e elegante Borzoi custando aproximadamente R$ 1.500 a R$ 3.000.




A Página do Pet sempre recomenda a adoção responsável e a aquisição de filhotes de criadores certificados, com pais e avós sem doenças genéticas.

Infelizmente existem criadores que submetem fêmeas a situações degradantes apenas visando o lucro com a venda de filhotes.

Comprar um cão implica em responsabilidade de alimentar, vacinar, levar ao médico veterinário, tratar com amor, carinho e educar.

Antes de decidir comprar um cachorro é importante ainda lembrar que existem muitos animais abandonados nas ruas ou resgatados por ONGs, esperando uma família amorosa.

Adotar é um ato de amor.